Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alexandra Caracol

Artigos Educação, Textos Educação, Atividades Educação Infantil, Educação Escolar, Educação Emocional para Crianças e Adultos, Educação Infantil.

Alexandra Caracol

Artigos Educação, Textos Educação, Atividades Educação Infantil, Educação Escolar, Educação Emocional para Crianças e Adultos, Educação Infantil.

17
Jan19

2º Excerto da PARTE 14 do livro "A Cura pela Música (e não só...) de Alexandra Caracol

Excerto anterior

 

Capa pequena A Cura pela Musica Alexandra Caracol (1).png

 

Parte 14 - Uma Aula Prática de Expressão de Emoções

(2º e último excerto de dois)

 

 

  • Como pôr em prática:

1. O coordenador do grupo escreve no quadro, antecipadamente, os vários itens e os nomes dos participantes.

quadro emocoes.png

2. Cada participante retira um objecto da caixa (ver exemplo do João);

 

 

3. Cada participante escreve no quadro, uma emoção que o objecto lhe faz sentir, de acordo com algum acontecimento que recordar (ver exemplo do João);

4. Cada participante escolhe um recorte que tenha a ver com a emoção/recordação que sentiu/teve, através do objecto que retirou (no ponto 2.);

 

 
 

5. Cada participante cola na folha de papel de cenário a sua gravura, fotografia, desenho ou recorte. Cada um pode utilizar os vários materiais que estão à disposição (material de pintura e outros), e completar a sua ideia no papel. Todos em conjunto fazem um painel contendo os vários arranjos de cada um;

6. Sentam-se em círculo com os olhos fechados. O coordenador do grupo passa alguns trechos musicais (referido no ponto 8 - Lista de Material Necessário). Enquanto a música decorre, cada um, de olhos fechados, deve recordar algum acontecimento de que se lembre;

7. Cada participante escolhe uma música das que foram ouvidas e transmite aos outros o que sentiu ao ouvi-la;

8. No final, divide-se os participantes em dois grupos. Juntam-se a pares e o de olhos fechados deixa-se conduzir ao som de uma valsa pelo outro membro que está de olhos abertos. Passado algum tempo trocam de lugar.

 

Fim da Parte 14

Do livro "A Cura pela Música (e não só...)

de Alexandra Caracol

Categoria: Artigos Textos Atividades Educação Infantil Escolar Emocional Adultos

____________________________

17
Jan19

1º Excerto da PARTE 14 do livro "A Cura pela Música (e não só...) de Alexandra Caracol

Capa pequena A Cura pela Musica Alexandra Caracol (1).png

 

Parte 14 - Uma Aula Prática de Expressão de Emoções (1º Excerto de dois)

  • Objectivos

Objectivos.png

  • Material necessário:

1. Caixa com o exterior forrado ou pintado com cores alegres, fechada e só com uma pequena abertura, de forma a poder enfiar-se uma mão (Possui objectos do ponto 3.);

2. Caixa aberta contendo gravuras, fotografias, desenhos ou recortes diversas;

3. Objectos diversos com texturas diferentes, como por exemplo: lixa, algodão, lima, cubo, lã, gizo, chucha, etc.;

4. Folha de papel de cenário;

5. Diversos materiais de pintura;

6. Diversos materiais como copos de iogurte, restos de papel, tecidos, linhas, coisas que se podem reciclar;

7. Cola;

8. Vários trechos musicais onde se possam enquadrar várias emoções.

 

1º Excerto da 14ª Parte do Livro "A Cura pela Música (e não só...)

de Alexandra Caracol

 

(Veja aqui o próximo e último excerto)

Categoria: Artigos Textos Atividades Educação Infantil Escolar Emocional Adultos

____________________________

17
Jan19

10º Excerto da PARTE 1 do livro "A Cura pela Música (e não só...) de Alexandra Caracol

Capa pequena A Cura pela Musica Alexandra Caracol (1).png

 

– Vês, Francisco? Pertencem todos a realidades diferentes, tanto em experiências como em idade, mas todos têm algo de importante em comum: um grande sentimento de revolta, abandono, solidão, rejeição, necessidade de afirmação e reconhecimento. Resumindo, sentiam-se “desamados” e perdidos na vida e na sociedade, mas depois de os termos ensinado a estabelecer pontes e a perdoar, a partilhar e a sonhar, hoje têm esperança no futuro.

 

10º Excerto e último, da 1ª Parte do Livro "A Cura pela Música (e não só...)

de Alexandra Caracol

 

Fim da Parte 1

Categoria: Artigos Textos Atividades Educação Infantil Escolar Emocional Adultos

____________________________

17
Jan19

9º Excerto da PARTE 1 do livro "A Cura pela Música (e não só...) de Alexandra Caracol

Capa pequena A Cura pela Musica Alexandra Caracol (1).png

– Já reparou ali na Aninhas que costuma estar alheada, mas quando ouve música também se movimenta ao som dela e trauteia a melodia?

Ao perceber que Aninhas saía do seu mundo muito próprio quando ouvia música, Joana começou a dedicar-lhe particularmente mais tempo, ensinando piano e pequenas canções. Com o passar do tempo, Aninhas, através da música, permanecia cada vez mais tempo fora do seu mundo próprio, conseguindo partilhar o espaço com os coleguinhas da aula e com Joana e Francisco. Era gratificante ver a evolução de cada um.

– Temos que trazer aqui o Tio Zé – partilhou Joana.

– Mas ele já é tão velhote, tem quase 90 anos e só consegue andar de cadeira de rodas.

– É verdade Francisco, mas segundo a minha experiência, eles irão entender-se muito bem, pois a necessidade de serem amados é idêntica em todos. As suas carências irão aproximá-los.

E assim aconteceu. Quando Joana levou o Tio Zé, sorriu de orelha a orelha e quis levantar-se, apesar de já não ter forças nas pernas. Até ele dançou sentado na sua cadeira de rodas e as crianças sentaram-se no seu colo, e ele acarinhava-as.

 

9º Excerto da 1ª Parte do Livro "A Cura pela Música (e não só...)

de Alexandra Caracol

(veja aqui a continuação)

Categoria: Artigos Textos Atividades Educação Infantil Escolar Emocional Adultos

____________________________

17
Jan19

8º Excerto da PARTE 1 do livro "A Cura pela Música (e não só...) de Alexandra Caracol

Capa pequena A Cura pela Musica Alexandra Caracol (1).png

Quando se despediram um do outro, os sonhos de ambos despontavam já no fundo dos seus corações. Com o passar do tempo, Francisco desejou «estudar e ser médico para ajudar os mais necessitados», dizia ele. Quanto a Matilde, teve a criança e aprendeu a amá-la e a aceitá-la, apesar de ficar algo limitada no seu tempo, pois o filho requeria toda a atenção, apesar de ela ter apenas 14 anos. Percebeu que a criança não tinha tido culpa de nascer e desejou dar atenção ao filho, como os seus pais não tinham sido capazes de o fazer.

Passados uns anos, Francisco começou a acompanhar Joana nas suas aulas. Sentia-se bem assistindo às aulas e participando na ajuda àqueles necessitados, tal qual ele fora um dia.

Numa das classes de Joana estava a Aninhas, o Vasco e o Sérgio. Todos entre os 6 e os 8 anos.

Todos tão diferentes, mas que se entendiam quando Joana punha música. Tinha o costume de utilizar diversos estilos de música, pois isso permitia que expressassem todo o tipo de sentimentos.

– Até o Vasco se movimenta ao ritmo da música! Mas ele não é surdo? – admirava-se Francisco.

– Sim é verdade, mas sente as vibrações da música que fazem vibrar o soalho.

 

8º Excerto da 1ª Parte do Livro "A Cura pela Música (e não só...)

de Alexandra Caracol

(veja aqui a continuação)

Categoria: Artigos Textos Atividades Educação Infantil Escolar Emocional Adultos

____________________________

17
Jan19

7º Excerto da PARTE 1 do livro "A Cura pela Música (e não só...) de Alexandra Caracol

Capa pequena A Cura pela Musica Alexandra Caracol (1).png

Os seus pais, depois de tomarem conhecimento da gravidez, rejeitaram-na, empurrando-a para uma instituição de apoio a adolescentes grávidas, filhas de pais ricos.

A sua revolta era profunda e os sonhos acabaram naquele momento, ficando presa à vida da criança que vivia já no seu ventre – pelo menos assim pensava.

A única coisa que ainda lhe dava prazer era ouvir música clássica e praticar uns pequenos passos de dança, pois antes de engravidar frequentara aulas de ballet e sonhara ser bailarina de profissão. Agora já não conseguia sonhar com nada disso, nem desejar nada, pois via naquela criança um empecilho.

– Danças um pouco para eu ver? – pediu Francisco curioso.

– Como posso dançar com esta barrigona? E estou feia, gorda e detesto este bebé.

Francisco sorriu-lhe como Joana nunca tinha presenciado. Logo assumiu uma atitude protetora colocando o braço por cima de Matilde, tal qual um dia Joana tinha feito com ele, e repetiu o que Joana lhe ensinara. Partilhou os seus problemas com Matilde, chorou até, e ouviu-a também. No final, falou-lhe na importância de sonhar e perdoar.

 

7º Excerto da 1ª Parte do Livro "A Cura pela Música (e não só...)

de Alexandra Caracol

(veja aqui a continuação)

Categoria: Artigos Textos Atividades Educação Infantil Escolar Emocional Adultos

____________________________

17
Jan19

6º Excerto da PARTE 1 do livro "A Cura pela Música (e não só...) de Alexandra Caracol

Capa pequena A Cura pela Musica Alexandra Caracol (1).png

– Se conseguires perceber que és um sobrevivente; se entenderes que apesar do que sofreste estás aqui e és inteligente; se conseguires libertar o perdão para os que te têm feito sofrer e conseguires voltar a sonhar e aprender a lutar pelos teus sonhos, então aquilo que tens passado não terá sido em vão. Não conseguirás encontrar o teu caminho e ser feliz se continuares a tentar fugir da tua realidade. Foste vítima de abusos sexuais, foste rejeitado à nascença e tens que aceitar isso. Mas deves perdoar e deixar o tempo passar e sarar as feridas, ou pelo menos fazê-las sangrar menos. Quando ouves esse tipo de música em altos berros, deixas de te ouvir a ti próprio, de pensar e de sonhar – tu próprio disseste que não pensas em nada quando ouves Heavy Metal. Não gostavas de tentar ouvir outros tipos de música, algo que faça sair dentro de ti o que há de melhor?

Uns dias depois, Joana levou Francisco a conhecer Matilde de 14 anos, grávida.

Matilde era filha de pais ricos e tinha sido sempre muito mimada, mas um dia resolvera experimentar ter relações com Fábio, seu namorado. As colegas na escola gozavam com ela dizendo que ser virgem era pior do que ter cancro. Ela, querendo sentir-se aceite pelo grupo, aceitou ter relações sexuais com Fábio, mas para seu grande azar, engravidou logo à primeira. «Mas porque é que os pais nunca tinham tempo para falar com ela?» É verdade que lhe davam tudo. Tudo menos atenção e tempo para a ouvir. E no meio daquela confusão, entre o querer ser aceite pelo grupo de colegas e as dúvidas acerca dos assuntos que envolviam sexo, mas que eram tabu em casa, acabou por ficar grávida quando ainda ela própria precisava que cuidassem dela.

 

6º Excerto da 1ª Parte do Livro "A Cura pela Música (e não só...)

de Alexandra Caracol

(veja aqui a continuação)

Categoria: Artigos Textos Atividades Educação Infantil Escolar Emocional Adultos

____________________________

17
Jan19

5º Excerto da PARTE 1 do livro "A Cura pela Música (e não só...) de Alexandra Caracol

Capa pequena A Cura pela Musica Alexandra Caracol (1).png

Umas vezes Francisco acompanhava-os cantando aos gritos, ao mesmo tempo que pulava repetidamente, outras começava a dar pontapés nas paredes e nos móveis da sala. Um dia chegou mesmo a ferir-se nos braços e a rasgar a sua T-shirt.

Depois de um certo tempo, Joana perguntou-lhe o que sentia quando ouvia este tipo de música e ele respondeu: ódio, raiva, vontade de matar...

– E em que pensas? – perguntou Joana.

– Em nada de nada. E eu gosto também por isso: porque quando a oiço não tenho que pensar em nada, só sentir e deixar-me ir.

– E quanto a sonhos, que sonhos tens?

– Nenhuns! Como é que eu poderia sonhar?...

Joana trouxe-lhe uns livros com imagens referentes a várias actividades: desporto, arte, ensino, de tudo um pouco. Depois falou-lhe das coisas bonitas do mundo e fê-lo perceber que o seu sofrimento, um dia, poderia servir para ajudar outros, que estariam então em sofrimento e a necessitar de ajuda.

 

5º Excerto da 1ª Parte do Livro "A Cura pela Música (e não só...)

de Alexandra Caracol

(veja aqui a continuação)

Categoria: Artigos Textos Atividades Educação Infantil Escolar Emocional Adultos

____________________________

17
Jan19

4º Excerto da PARTE 1 do livro "A Cura pela Música (e não só...) de Alexandra Caracol

Capa pequena A Cura pela Musica Alexandra Caracol (1).png

Primeiro começou por ficar ao seu lado em silêncio, colocando o braço por cima do seu ombro. Depois, começou a contar-lhe os seus sonhos de quando tinha sido adolescente, as suas crises. Sim, porque também tinha sido uma criança e adolescente triste e problemática. Contou-lhe como tinha sido vítima de pedofilia quando era criança, e que mais tarde tinha sido violada. Falou-lhe dos seus medos de uma forma sincera e sentida, como se tivesse aquelas idades por que há muito tinha passado. E até chorou pelas feridas que de alguma forma ainda se abriam perante a recordação do sofrimento passado. Talvez por isso sentia compreender aqueles como o Francisco, que lhe vinham parar à mão.

Aos poucos Francisco baixou as barreiras e começou a falar. Também ele tinha sido vítima de abusos sexuais em criança, tinha sido rejeitado à nascença e tudo isto tinha sortido nele uma incapacidade de compreender e de sentir que a realidade não é só feita de sofrimento.

Várias vezes tentou suicidar-se, tendo sido descoberto a tempo de ser ajudado.

Francisco falou dos seus gostos, como a música que gostava de ouvir: Gostava de Heavy Metal, tais como os grupos: Black Sabbath, Iron Maiden e Metallica, entre outros.

Joana arranjou música daqueles grupos e pediu a Francisco para expressar aquilo que sentia enquanto a ouvia.

 

4º Excerto da 1ª Parte do Livro "A Cura pela Música (e não só...)

de Alexandra Caracol

(veja aqui a continuação)

Categoria: Artigos Textos Atividades Educação Infantil Escolar Emocional Adultos

____________________________

17
Jan19

3º Excerto da PARTE 1 do livro "A Cura pela Música (e não só...) de Alexandra Caracol

Capa pequena A Cura pela Musica Alexandra Caracol (1).png

Gradualmente, cada um foi-se integrando e libertando, partilhando medos e dificuldades. Mas com o Francisco não acontecia nada; ora se encontrava distante, ora revoltado de tal forma que se descontrolava gritando imprecações, ofendendo tudo e todos.

Um dia, quando a aula terminou, Joana despediu-se dos alunos, mas pediu ao Francisco para ficar mais algum tempo.

Sentia-se muito triste, pois via naquele rapaz potenciais incríveis sabendo por experiência que os mais revoltados, mostrando-se independentes e auto-suficientes, eram afinal os mais carentes e muitas vezes cheios de talentos, talentos esses que dificilmente seriam autodescobertos, por causa da baixa autoestima que os acompanhava.

A verdade é que, quanto menor fosse a autoestima na pessoa a tratar, mais difícil era conseguir levantá-la. Pior do que as deficiências físicas, eram “aquelas” provocadas pela falta de autoestima, pois incapacitavam o próprio de se aperceber de como era valoroso e cheio de talento.

Assim, numa derradeira tentativa de partir o gelo que separava Francisco do resto do mundo, Joana começou a ficar algum tempo a sós com ele, depois das aulas terminarem.

 

3º Excerto da 1ª Parte do Livro "A Cura pela Música (e não só...)

de Alexandra Caracol

(veja aqui a continuação)

Categoria: Artigos Textos Atividades Educação Infantil Escolar Emocional Adultos

____________________________

17
Jan19

2º Excerto da PARTE 1 do livro "A Cura pela Música (e não só...) de Alexandra Caracol

Capa pequena A Cura pela Musica Alexandra Caracol (1).png

Joana tinha aprendido que a melhor forma de iniciar uma terapia de ajuda era estabelecer pontes e conseguir encontrar os pontos comuns que existiam em todos esses seres humanos que precisavam de ajuda e de se encontrarem.

Dos muitos casos que tinham passado pelas suas mãos algumas pessoas tinham-na marcado em especial.

O caso de Francisco de 13 anos do reformatório de rapazes; o Tio Zé do lar de idosos; a Aninhas, a menina autista; o Sérgio que era invisual; o Vasco, surdo desde a nascença; e a Matilde, na altura grávida com 14 anos. Todos eles pertenciam a grupos diferentes mas tão próximos na necessidade de serem amados, reconhecidos e respeitados por eles próprios e pela sociedade.

Lembrava-se do primeiro dia em que conhecera o Francisco. Era um rapaz muito revoltado que se vestia de negro com desenhos de caveiras, brinco na orelha, vários piercings e uma forma de estar provocadora tanto em palavras como em atitudes.

Como era costume, no início, para tentar conhecer os seus alunos, Joana dispunha-os em círculo e fazia jogos psicológicos também para dinamizar o grupo e levá-los a interagir uns com os outros, apesar das grandes divergências.

 

2º Excerto da 1ª Parte do Livro "A Cura pela Música (e não só...)

de Alexandra Caracol

(veja aqui a continuação)

Categoria: Artigos Textos Educação Emocional Adultos

____________________________

17
Jan19

1º Excerto da PARTE 1 do livro "A Cura pela Música (e não só...) de Alexandra Caracol

Capa pequena A Cura pela Musica Alexandra Caracol (1).png

Joana há muito que tinha escolhido um caminho nada fácil, mas que lhe dava imenso prazer. Ela era professora de uma disciplina à qual tinha dado o nome de “Expressão de Emoções”.

Esta disciplina tinha como objetivo principal tornar aquele que se sentia de alguma forma perdido, capaz de se conhecer melhor e encontrar dentro de si mesmo os instrumentos necessários para vencer a crise interior.

Para tal eram utilizadas diversas áreas artísticas, tais como a música, a dança, o teatro e a pintura, entre outras, para Joana conseguir chegar ao âmago de cada aluno. Mas mais importante do que ensinar a tocar algum instrumento, ou a dançar correctamente ou falar bem em palco, era o método aplicado nas suas aulas. Utilizava cada área como uma terapêutica, obtendo resultados positivos em grande parte dos casos, o que a levava a embrenhar-se cada vez mais em cada uma destas áreas.

Para ela, cada caso, por mais difícil que parecesse, era sempre um desafio que não recusava e agarrava com todo o amor que tinha para dar.

Dava aulas num reformatório de rapazes, num lar de idosos, numa escola de deficientes e num lar de apoio a adolescentes grávidas. Pessoas com realidades diferentes, tanto em experiências como na idade, mas todos tinham algo muito importante em comum: um grande sentimento de revolta, abandono, solidão, rejeição, necessidade de afirmação e de reconhecimento. Em poucas palavras, sentiam-se “desamados” e perdidos diante da vida e da sociedade.

 

1º Excerto da 1ª Parte do Livro "A Cura pela Música (e não só...)

de Alexandra Caracol

 

(veja aqui a continuação)

Categoria: Artigos Textos Educação Emocional Adultos

____________________________

17
Jan19

Excertos do livro "A Cura pela Música (e não só...) - PARTE 1 - de Alexandra Caracol

Parte 1 – Pequeno conto (Aprender a exprimir emoções)

do livro "A Cura pela Música" de Alexandra Caracol

 

Excertos: 1,   2,   3,   4,   5,   6,   7,   8,   9,   10

 

Capa pequena A Cura pela Musica Alexandra Caracol (1).png

Categoria: Artigos Textos Educação Emocional Adultos

____________________________

17
Jan19

Credenciais de Alexandra Caracol

Alexand.png

 

  • Experiência de mais de 30 anos de ensino em diversas áreas ligadas à alfabetização e à música;
  • Escritora;
  • Professora;
  • Pedagoga;
  • Palestrante;
  • Licenciada em "Educação/Pedagogia Social e da Formação" (UAB);
  • Certificação em "Métodos de Aprendizagem Personalizada" (terapia);
  • Certificação em "Utilização de Música com Pessoas com Demência" (terapia)
  • Certificação em "Emotional Freedom Techniques" (nível 1 e 2);
  • Certificação em disciplinas musicais do "Conservatório Nacional de Música de Lisboa";
  • Certificação do Curso de Agentes de Apoio Familiar e Comunitário";
  • Certificação do curso de "Formação Profissional em Gestão";
  • Certificação do Curso de Formação Bancária Geral;
  • Comprovativo de frequência do 2º ano do Curso Regular de Formação Bancária;
  • Comprovativo de frequência do 2º ano da licenciatura em Direito;
  • Fundadora, directora pedagógica e professora na Academia de Música em Lisboa;
  • Fundadora, directora pedagógica e professora no IP Instituto Pedagógico Alexandra Caracol;
  • Conhecimentos de conteúdos pedagógicos que resultaram na construção de programas de apoio à alfabetização e em áreas ligadas ao ensino da música.

FACE

 

logo pinterest.png

 

TWetter

Instagran

Linkdin

Youtube4

  
17
Jan19

Sobre Alexandra Caracol

Alexand.png

 

Alexandra Caracol nasceu em Angola na cidade de Luanda, em 10 de outubro de 1964 e estabeleceu morada em Portugal desde 1974.

Escritora, pedagoga e professora, licenciou-se em Educação/Pedagogia Social e da Formação e tem leccionado disciplinas na área da música e alfabetização, há mais de 30 anos.

A par do ensino tem escrito vários livros na área da Educação, Pedagogia, Romances e de Autoajuda.

 

CREDENCIAIS

 

 

 

17
Jan19

O Poder da Música. Artigos e textos educação. (de Alexandra Caracol)

O Poder da musica (1).png

Clicar na imagem para ler o artigo.

Aulas de piano adultos Lisboa, Aulas de piano crianças Lisboa, Aulas de violino Adultos Lisboa, Aulas de Violino Crianças Lisboa, Aulas de Música Lisboa, Escolas de Música Lisboa Preços, Aulas piano adultos Lisboa, Aulas de piano crianças Lisboa, Aulas de violino Adultos Lisboa, Aulas de Violino Crianças Lisboa, Aulas de Música Lisboa, Escolas de Música Lisboa Preços, Academias de Música Lisboa, Aulas piano Lisboa, aulas piano, aulas violino Lisboa, aulas violino, aulas piano adultos, aulas piano preços, aulas piano preços Lisboa, aulas violino preços, aulas violino preços Lisboa, escolas de musica, escolas de musica Lisboa, escolas de musica, escolas de musica lisboa, aulas piano adultos, aulas piano adultos lisboa, aulas piano crianças, aulas piano lisboa Aulas de piano adultos Lisboa, Aulas de piano crianças Lisboa, Aulas de violino Adultos Lisboa, Aulas de Violino Crianças Lisboa, Aulas de Música Lisboa, Escolas de Música Lisboa Preços, Academias de Música Lisboa, Aulas piano Lisboa, aulas piano, aulas violino Lisboa, aulas violino, aulas piano adultos, aulas piano preços, aulas piano preços Lisboa, aulas violino preços, Academias de Música, Academias Música Lisboa, Aulas de violino, aulas de piano, aulas de musica, aulas de musica Lisboa, aulas de musica preços, aulas piano crianças preços, aulas piano adultos preços, aulas violino preços Lisboa, aulas violino crianças preços, aulas violino adultos preços, aprendizagem ao longo da vida, educação para adultos, cursos musica para adultos, cursos para adultos

Artigo de Alexandra Caracol na Revista Lar Cristão.

Artigos Educação, Textos Educação, Atividades Educação Infantil, Educação, Educação, Atividades Educação Infantil, Educação Escolar, Educação Crianças, Educação Adultos, atividades ensino básico, recursos para ensino básico, atividades ensino primário, Ensino Básico Atividades e Recursos, fichas ensino básico, Atividades ensino básico, recursos ensino básico, artigos educação crianças, artigos educação adultos, artigos educação emocional, textos educação crianças, textos educação adultos, textos educação emocional, recursos ensino, educação emocional crianças, educação emocional adultos

 lar cristao.pdf

Artigos Educação, Textos Educação, Atividades Educação Infantil, Educação, Educação, Atividades Educação Infantil, Educação Escolar, Educação Crianças, Educação Adultos, atividades ensino básico, recursos para ensino básico, atividades ensino primário, Ensino Básico Atividades e Recursos, fichas ensino básico, Atividades ensino básico, recursos ensino básico, artigos educação crianças, artigos educação adultos, artigos educação emocional, textos educação crianças, textos educação adultos, textos educação emocional, recursos ensino, educação emocional crianças, educação emocional adultos

____________________________

17
Jan19

A Cura pela Música (e não só...) 1 - de Alexandra Caracol

cura musica (1).png

A música tem sido utilizada pelo Homem ao longo da sua história como companheira nos momentos de alegria e tristeza, proporcionando-lhe uma série de emoções, conforme a necessidade.

Como a música exerce uma poderosa influência sobre o estado psicológico e espiritual do ser humano, acaba por também influenciar o seu estado físico.

Com o passar do tempo, a música foi sendo utilizada de uma forma mais concreta, por cada ser humano, respondendo às suas necessidades.

Acabou por se dar o nome de Musicoterapia à terapia, em que se utiliza a música como principal instrumento de ajuda e cura. Nesta terapia, são utilizados sons e diversos tipos de música com o objetivo de relaxar, aliviar sintomas desagradáveis, chegando mesmo a proporcionar cura em certas doenças, principalmente em relação às que se referem ao sistema nervoso.

Importa referir que qualquer pessoa, independentemente das suas características, é influenciada pela música que ouve.

Um dos mais importantes papéis da música, quando utilizada com fins terapêuticos, é a de proporcionar a prevenção de certos problemas mesmo antes deles surgirem.

De acordo com cada situação, assim são explorados os instrumentos utilizados em tal terapia, através de, por exemplo: ensino e execução de instrumentos musicais em concreto, o canto e outras atividades que envolvam o som, a música e o movimento.

Como alguns exemplos de situações em que se poderá utilizar a Musicoterapia de forma a aliviar, ou mesmo curar certos problemas, temos:

- Pessoas que sentem dificuldades de aprendizagem, e na área da comunicação;
- Pessoas com problemas do foro psiquiátrico ou simplesmente que estejam a passar por situações de tensão ou de depressão;
- Deficientes de diversa ordem;
- Pessoas que buscam ajuda para problemas específicos;
- Gestantes (realizando um acompanhamento pré ou pós-natal);
- Acompanhamento a bebés;
- etc.

Proposta de um começo maravilhoso de vida nova:

Neste primeiro texto, começaremos por nos debruçar, em especial, ao que chamarei «o começo do ser humano». Aliás, começaremos ainda na programação de um filho.

Qualquer mulher, mesmo antes de decidir engravidar, beneficiaria bastante se utilizasse a música como uma técnica relaxante, preparando-se fisicamente e psicologicamente para o momento em que praticaria o ato sexual, já com o propósito e o desejo de que desse ato resultasse a conceção de um filho.

Decerto se houvesse esse cuidado prévio, o Ser que resultasse desse ato de amor, repleto de cuidado, ganharia francamente com tais atitudes.

Depois de esse pequeno Ser existir já no ventre materno, dever-se-ia continuar a fazer o trabalho musical de amor.

Como?

Proporcionando a esse Ser, embora ainda no ventre de sua mãe, ouvir o mais possível música calma e a voz dos seus pais, repleta de ternura.

Conselhos práticos e acessíveis a qualquer um para preparar esse novo Ser para a vida, logo desde o momento da conceção:

- A mãe deve trautear com voz doce uma canção de embalar, de preferência com palavras simples, repetindo a mesma melodia durante algum tempo.

Por experiência própria, sei que um indivíduo consegue relaxar quase automaticamente ao ouvir a melodia que lhe foi cantada pela mãe logo após a conceção, até aos primeiros anos de vida.

A música torna-se, por isso, um ótimo instrumento na mão das mães, porque ajuda a acalmar os seus filhos.

Conheço situações em que os indivíduos já adultos cantam para si próprios essa mesma melodia de embalar, em momentos conturbados das suas vidas, conseguindo ultrapassá-los mais facilmente. Assim, evitam ingerir medicamentos, conseguindo o auto equilíbrio por uma forma tão simples como a de recordar um «calmante» apreendido ainda no útero da mãe, e durante os primeiros anos de vida.

- Gradualmente, começar por trautear canções com um propósito didático. Por exemplo, repetir muitas vezes as primeiras três letras do alfabeto, ao mesmo tempo que se toca na barriga com toques programados.

Exemplo: Canta-se as primeiras letras do abecedário A, B, C, D e ao mesmo tempo dá-se um toque juntamente com o “A”, dois toques com o “B” e assim por diante, podendo inventar-se outros toques com palmas, ou outros.

O Ser que existe no ventre ouve e sente as vibrações. A repetição dos exercícios, sempre muito simples, habitua-o a ouvir esses sons e a associar os toques a cada letra.

Com o passar dos meses, vai-se juntando mais uma letra, ou ensina-se os primeiros números, ou uma canção sobre as estações do ano ou outras melodias, mas sempre adicionando novos ensinamentos muito devagar e gradualmente.

Sou defensora de que a música calma, intercalada com melodias didáticas, cantadas pela mãe é um dos maiores antídotos contra problemas futuros, principalmente ao nível das emoções.

Quando a criança nasce, a mãe deve continuar a utilizar os mesmos métodos de ensino e, gradualmente, a criança começa a trautear as mesmas canções.

Pouco a pouco, a mãe deve adicionar melodias, gravuras e letras de plástico (estas devem corresponder ao que é ensinado através das letras das melodias).

Para aquele que acredita num Ser Superior e no seu Amor, a utilização de hinos religiosos é um instrumento poderoso para trazer paz,  e fomenta a fé e a esperança no futuro.

A utilização da música como instrumento no relacionamento mãe-filho serve para fortalecer o vínculo entre eles e, como consequência, resulta no desenvolvimento mais saudável da criança.


Artigo de Alexandra Caracol no Jornal de Família

 

Artigo 2 em: "A Cura pela Música (e não só...) 2"

Categoria: Artigos Textos Educação Emocional Adultos

____________________________

face.pnglinkdin.pnginst.pngtwiter.pngPinteres 1.pngyoutube (1).png

Artigos Educação, Textos Educação, Atividades Educação Infantil, Educação Escolar, Educação Emocional Crianças Adultos, Recursos gratuitos

Vídeos

Videos Alexandra Caracol.png

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

©copyright

AVISO.png

Arquivo

Comentários recentes

botao atividades para crianças e aulas blog Alexandra (3).png

banner Academia.pngBanner IP Instituto edagogico Alexandra Caracol.png

Artigos Educação, Textos Educação, Atividades Educação Infantil, Educação, Educação, Atividades Educação Infantil, Educação Escolar, Educação Crianças, Educação Adultos, atividades ensino básico, recursos para ensino básico, atividades ensino primário, Ensino Básico Atividades e Recursos, fichas ensino básico, Atividades ensino básico, recursos ensino básico, artigos educação crianças, artigos educação adultos, artigos educação emocional, textos educação crianças, textos educação adultos, textos educação emocional, recursos ensino, educação emocional crianças, educação emocional adultos, Aulas de piano adultos Lisboa, Aulas de piano crianças Lisboa, Aulas de violino Adultos Lisboa, Aulas de Violino Crianças Lisboa, Aulas de Música Lisboa, Escolas de Música Lisboa Preços, Aulas piano adultos Lisboa, Aulas de piano crianças Lisboa, Aulas de violino Adultos Lisboa, Aulas de Violino Crianças Lisboa, Aulas de Música Lisboa, Escolas de Música Lisboa Preços, Academias de Música Lisboa, Aulas piano Lisboa, aulas piano, aulas violino Lisboa, aulas violino, aulas piano adultos, aulas piano preços, aulas piano preços Lisboa, aulas violino preços, aulas violino preços Lisboa, escolas de musica, escolas de musica lisboa, escolas de musica, escolas de musica lisboa, aulas piano adultos, aulas piano adultos lisboa, aulas piano crianças, aulas piano lisboa Aulas de piano adultos Lisboa, Aulas de piano crianças Lisboa, Aulas de violino Adultos Lisboa, Aulas de Violino Crianças Lisboa, Aulas de Música Lisboa, Escolas de Música Lisboa Preços, Academias de Música Lisboa, Aulas piano Lisboa, aulas piano, aulas violino Lisboa, aulas violino, aulas piano adultos, aulas piano preços, aulas piano preços Lisboa, aulas violino preços, Academias de Música, Academias Música Lisboa, Aulas de violino, aulas de piano, aulas de musica, aulas de musica Lisboa, aulas de musica preços, aulas piano crianças preços, aulas piano adultos preços, aulas violino preços Lisboa, aulas violino crianças preços, aulas violino adultos preços, aprendizagem ao longo da vida, educação para adultos, cursos musica para adultos, cursos para adultos